Receba nossas atualizações

Digite seu endereço de email:

Clássicos do Design


O evento Casa Cor Rio deste ano (2011), ocupou o Palacete Linneo de Paula Machado em Botafogo. Propriedade em estilo renascentista, é tombado pelo INEPAC ( Instituto Estadual de Patrimônio Cultural) e possui características arquitetônicas que remetem aos Palácios Europeus.
Preservando o passado com um olhar no futuro, 85 arquitetos, decoradores e paisagistas, ambientaram 61 espaços entre áreas internas, externas e jardins, restaurando o imóvel no respeito ao passado e abrindo espaço na arquitetuta de vanguarda com interferências modernas.
Pegando carona nessa "idéia do Casa Cor" vamos dar um passeio por alguns clássicos do design e mostrar que apesar do tempo, continuam super atuais!
O tempo realmente é relativo...
"...A história do mobiliário desenvolve-se a partir do momento em que o Homem deixa de ser nômade, ou seja, desde o momento em que passa a possuir uma habitação fixa e acompanha a sua história política, social e artística até à atualidade. Ao longo do tempo, o mobiliário foi evoluindo conforme as necessidades humanas, a capacidade técnica e a sua sensibilidade estética."


Conheça alguns clássicos de design de sucesso atemporal, que dão um toque de requinte e sofisticação às ambientações:

Cadeira Wassily
Projetada em 1925 pelo arquiteto húngaro Marcel Breuer para decorar a casa do pintor Wassily Kandinsky. Na época, ambos eram professores da Bauhaus. Breuer integrou o movimento modernista e desenvolveu móveis em tubo de aço curvado, base de muitas estruturas do mobiliário moderno.


abaixo outros modelo do arquiteto:



Cadeira Panton
Esta peça cheia de curvas é um bom exemplo do estilo do arquiteto e designer dinamarquês Verner Panton, que introduziu a estética pop no mobiliário e na arquitetura de interiores nos anos 1960. Idealizada em 1960 e produzida em série a partir de 1967, a Panton foi a primeira cadeira confeccionada totalmente em plástico.
Graças a sua forma inusitada figura em coleções de renomados museus do mundo.

Panton no Casa Cor






Sofá Togo
Criado pelo designer francês Michel Ducaroy em 1973, é super confortável. A criação é o resultado das pesquisas de designer na década de 1970. Na época, novos materiais chegavam ao mercado, como as fibras sintéticas, que ele passou a utilizar em sofás como o Togo. Esse móvel oferece inúmeras possibilidades de tecidos, cores e combinações de módulos.




Cadeira Bertoia
A linha Bertoia nasceu no estúdio de Hans e Florence Knoll, onde o designer Harry Bertoia desenvolveu seus estudos sobre metal e criou peças que se tornariam ícones do design. A peça formada por uma tela que se assemelha a um cesto, valoriza a funcionalidade e a flexibilidade do material em uma estrutura de aço curvado e soldado. Lançada em 1952, incorporada à coleção Knoll, sobrevive até hoje compondo as mais diversas decorações de interiores.





Chaise Le Corbusier
Também chamada de LC4, a chaise longue criada pelo arquiteto e designer Le Corbusier - ou Charles Édouard Jeanneret, parece flutuar no ar. Exposta no salão de outono em Paris 1929, a chaise segue as curvas naturais do corpo numa estrutura de metal e couro. Afinal a natureza, que fez parte da infância do artista, inspirou muitos de seus trabalhos , que influenciaram renomados arquitetos modernistas brasileiros, como Lucio Costa e Oscar Niemeyer.

Abaixo outros modelos de Le Corbusier:




Poltrona Mole
Criada em 1957 pelo arquiteto carioca Sergio Rodrigues, tornou-se um móvel representativo da identidade nacional e colaborou com a projeção do Brasil no cenário internacional. A peça é destaque permanente do MoMa, em Nova York. Resultado da busca de funcionalidade do sentar o prazer do descanso, o móvel retrata a cultura brasileira, pois entre os materiais está o jacarandá, couro natural redes e catres.




Poltrona Barcelona
Criada em 1929 pelo arquiteto norte americano Mies Van Der Rohe para o pavilhão alemão da Exposição Universal de Barcelona, na Espanha. Duas peças foram colocads no espaço para que o rei e a rainha espanhois se sentassem nelas como se estivessem em seus tronos. A peça foi o Marco da Bauhaus. Uma única estrutura de aço chapado e estofado de couro botonê, costurado à mão, elevaram a Barcelona ao status de ícone do design moderno.













Mesa de jantar Saarinen
A linha Tullip, do arquiteto finlandês Eero Saarinen, é um exemplo de design atemporal. Em sociedade com Charles Eames, ele desenvolveu uma série de móveis inovadores na década de 1930, utilizando resinas plásticas e fibras de vidro, materiais até então usados apenas em áreas industriais. Criada em 1956, a mesa, originalmente, tinha o objetivo de possibilitar o uso com várias cadeiras, já que não possui pernas nas extremidades.
Seu desenho inovador é traduzido por base delgada que se une ao tampo. Um refinamento de formas.










Mesa de centro Noguchi
Uma verdadeira escultura criada pelo designer, pintor e escultor Isamu Noguchi, nascido em Los Angeles, sempre buscou a solução para problemas tanto cotidianos quanto estéticos, aliando a arte ao utensílio. Esta peça é formada somente por três elementos: tampo de vidro e duas peças interligadas da madeira, que servem de base. Extremamente simples, a mesa une forma e função e lembra a formação de escultor de seu criador.




Cadeira DAR
Também conhecida como cadeira Eiffel, esta peça foi criada pelo casal de arquitetos norte-americanos Charles e Ray Eames, pioneiros na experimentação, o que rendeu uma grande produção de criações atemporais. a cadeira moldada em plástico é uma delas, agora produzida em acrílico. Sua base estruturada em aço inox deixa o acento em concha flutuar. O design criado em 1948 funciona bem até hoje nos mais diversos projetos de decoração.









Poltrona Egg
Seu formato semelhante a um ovo foi o mote desta peça desenhada em 1957 pelo arquiteto Arne Jacobsen. Nascido em Copenhagen, na Dinamarca, Jacobsen foi também decorador, professor e designer de mòveis, têxtil e de cerâmicas. Considerada hoje um ícone do design mundial, a Egg foi criada para o Hotel Royal SaS, de Copenhagen, também projetado pelo arquiteto.










Poltrona Swan
A peça também foi desenhada por Arne Jacobsen, juntamente com a poltrona Egg. Ambas foram criadas para o lobby do hotel dinamarquês Royal Hotel. Essa peça marcou época por ser inovadora em termos de design - repare a forma totalmente curvilínea e sua inovação tecnológica.





Cadeira Dinamarquesa
Nesta cadeira, o dinamarquês Arne Jacobsen conseguiu que o assento e o encosto fossem moldados com uma única folha de madeira compensada.  Foi criada em 1955 sob o n0 3107, da série 7.
A cadeira Dinamarquesa tem seu desenho leve e atual, que combina com diferentes ambientes. As pernas delgadas não poluem o visual, e a cadeira vai bem na sala de jantar, na cozinha e até no escritório. As várias opções de cor permitem inovar na decoração. De quebra, ela ainda tem uma ótima ergonomia: acomoda bem as costas e é muito confortável.










Poltrona Eames
Um conjunto clássico do século 20, a poltrona e o pufe Eames foram desenhados em 1956 por Charles e Ray Eames. Desde a criação, nunca deixaram de ser produzidos e comecializados. O uso de chapas de madeira curva revolucionou as técnicas construtivas da época. A poltrona em formato de concha, com o assento e o encosto revestidos de couro, vira uma confortável espreguiçadeira quando usada juntamente com o pufe. Ideal para compor cantos de leitura e bibliotecas.




Abaixo outras peças de Eames:







Poltrona Tulipa
A peça foi desenhada em 1965 pelo francês Pierre Paulin, considerado um dos mais importantes designers do século 20, ao lado de Charles e Ray Eames, Eero Saarinen e Harry Bertoia. Essa cadeira revolucionou o estilo de vida da sociedade da época devido ao seu desenho inovador. A base giratória em alumínio proporciona funcionalidade ao mesmo tempo em que contrasta com o estofado. Paulin foi responsável pela criação do mobiliário do gabinete presidencial de François Mitterrand, em 1983.




Outra criação de Pierre Paulin:



Cadeira Thonet
A cadeira leva o nome de seu criador, Michel Thonet, nascido na Áustria, onde montou o seu primeiro ateliê. Foi o precursor da madeira curvada, já que inventou uma máquina para a fabricação em série de móveis com esse tipo de material. O resultado foram milhões de cadeiras Thonet espalhadas pelo mundo. O modelo deu origem ao estilo austríaco: estrutura de madeira e assento trançado.






,


Cadeira Ouro Preto
Desenhada pelo designer francês radicado no Brasil, Michel Arnoult, essa peça conquistou o prêmio Roberto Simonsen de Desenho Industrial em 1964. A cadeira faz parte da reedição feita pela Atec Original Design de peças da consagrada Mobília Contemporânea, do designer. A cadeira, que fez grande sucesso nos anos 1960 e 1970, permanece atual e perfeita para os pequenos espaços das residências de hoje. É fabricada com eucalipto tingido na cor imbuia.





Cadeira Paulistano
Projetada em 1957 pelo arquiteto Paulo Mendes da Rocha, um dos expoentes da arquitetura paulista, esta peça fazia parte do mobliário do Ginásio de Clube Atlético Paulistano. Marco na história do design contemporâneo no país, ela impressiona pelo seu conceito, assim como pela beleza de suas linhas simples, que garantem elegância e conforto em vários tipos de ambientes.









Cadeira Buterfly
Também conhecida como Hrdoy chair ou BKF, a cadeira Butterfly foi criada pelo arquiteto argentino Jorge Ferrari HARDOY em conjunto com Juan Kurchan e Antonio Bonet, em 1939. Recebeu diversos prêmios de design. Em 1941 ganhou o prêmio do Museu de arte moderna.
 Ele tinha vivido no ano anterior, em Paris, onde trabalhou com Le Corbusier na elaboração do "Plano Diretor para Buenos Aires.








Fonte: Wikipédia, Simples Decoração,Fernanda Guizi, Casa Cor Rio 2011


Um comentário

  1. Andei pesquisando pra comprar e descobri um excelente site, na verdade loja virtual, principalmente pra quem mora no RJ e não tem mtas opções desse nível. É o site da Evidenze Design - www.evidenze.com.br
    Todos esses ícones do Design pelo menor preço + frete da internet (pq as vezes é barato porém com o frete fica caro) e ainda tudo deles é pronta entrega, só vendem tem em estoque pro cliente não ficar esperando...
    Eu vi sites (e lojas) q tinha preço um pouco mias baixo e tinha 1.000 opções de tecidos porém tb vc tinha q esperar 1.000 anos pra ficar pronto, + esperar o tempo de envio, + pagar o frete caro e no final ficava tudo + caro.
    Só pra ter uma idéia da poltrona de design que comprei e pesquisei:

    Poltrona EGG
    Etna: 2.399,90
    Mobly: 1.949,00
    Bauhaus: 1.761,00
    EVIDENZE: 1.379,00 <====

    Fica a dica ;)

    ABS
    Krystian.

    ResponderExcluir

Entre e deixe seu comentário ou sugestão!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Ambientes e Ideias - Todos os direitos reservados.
Criado por: Telma Pereira.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo